quinta-feira, 2 de agosto de 2012

Oi, queridos! Hoje é quinta! Quinta-feira! Isso! E já passam das 10 da manhã!! O que que tem? Que a nossa cama chegouuuuuuuuuuuuuuu!!!! Nossa, gente. O interfone tocou e só escutei: "entrega da cama". Ele falou desse jeitinho aí, mas eu escutei assim: "Oláááá!! Que lindo dia, não? Letícia, minha querida, eu estou aqui para entregar sua cama e ó: vou montar bem rapidinho para você poder deitar e curtir, viu? Abra a porta aí, por favor! Beijão! Tô subindo!!" - e ainda saíam flores da voz deste lindo rapaz! (lindo porque trouxe a cama, gente. Depois de 2 semanas dormindo no chão, se o Batoré tocasse a campainha, eu falaria a mesma coisa).

Começando do começo (sempre achei esta frase engraçada - leia-se tosca -, mas como tudo o que eu não gosto, eu pego mania, fica assim). Aliás, posso fazer um parênteses? Há muitos anos, eu estava no orkut (orkut ainda!) e vi o perfil de uma menina. Olhando os depoimentos, vi um que o namorado da menina escreveu pra ela. Gente, ele começava com "Darling, I love you so much" e continuava 300 linhas em português. Aí no final, ele falava: Kisses, my love. Era o próprio Joel Santana - não entendeu? clique aqui, POR FAVOR! Preciso falar que eu peguei essa mania? Até hoje chamo minhas amigas de "my love". Por que eu estou falando isso, Jesus? Vamos voltar para cama? - "Vamos voltar pra cama?" OHGOD! Hoje o negócio tá difícil aqui pro meu lado!

Gente, eu nem contei como foi a compra da cama, né? O lugar mais em conta aqui para comprar coisas para casa é Ikea, mas em Viena é longe para dedéu! Schatz e eu - e muitos e muitos vienenses - não temos carro, então para evitar a fadiga, fomos em uma loja aqui no centro da cidade mesmo. Ela se chama Leiner. Tem muita coisa bonita e tudo o que você imaginar para casa. Tem váaarios andares! Quem tiver se mudando pra cá, acho super válido dar uma passada por lá!

Pois bem, aqui na Áustria (na Alemanha também) é normal a cama ser de casal, mas com uma diferença: são dois colchões que formam a cama de casal, sabem? Eu achava isso muito estranho! O nosso na Alemanha era um colchão só, normal, como é no Brasil, mas aqui em Viena é difícil achar! Eu nunca gostei dessa ideia de dois colchões separados sempre imaginei que fosse acontecer o que acontecia quando eu e minha irmã éramos pequenas: não bastava dormir no mesmo quarto, a gente tinha que juntar as camas. Nossa, era batata: sempre uma caía no meio, na parte onde as camas se juntavam. Ainda penso que será assim, mas só vou poder dar meu depoimento amanhã, né? Porque no chão isso não acontecia e eu não dormi na cama ainda. Aliás, estou até com medo do Schatz dormir hoje e acordar só na segunda, porque para ele estava complicado, coitado!

Para quem não entendeu, é assim, ó:

Enfim, fomos comprar a cama, gostamos de várias, escolhemos, beleza. Ah, a gente escolhe tudo: o tamanho da cama, a cor, se terá acolchoado ou não e a cor, tudinho! Feito isso, fomos escolher o colchão. Eu ainda estava na ideia de que queria um inteiro e não dois colchões formando um só! Quando me deitei para experimentar um lá na loja, gente do céu, se alguém falasse um pouco manso, eu juraria que era canção de ninar e adeus. Só acordaria no dia seguinte. Com um sentimento tão puro e verdadeiro, o que eu falei? "Nossa, amor! Experimenta esse!! Amei!!" Schatz experimenta o que eu pedi, experimenta outro e fala que gostou mais do outro. Quando eu fui me deitar no que ele gostou, eu não sabia se era uma pedra ou se era colchão mesmo - mentira. Era confortável(zinho), mas eu já estava apaixonada pelo primeiro colchão. Resultado? Respondi com a maior cara lavada que a gente poderia experimentar essa moda europeia de dois colchões formarem um só! Aí eu pegava o meu pedacinho de nuvem(?) e ele a rocha dele e todo mundo sairia feliz. Foi o que fizemos!

Ah, a entrega da cama demorou muito por isso também: porque foi feita sob medida. Se já estivesse pronta no depósito, não demoraria tanto.

Só fizemos um errinho: colocamos um acolchoado branco e nossa parede é branca - mongolice de principiantes - e aí nem dá para ver nada direito. Ah, quer saber? Estou nem ligando! Depois pinta a parede ou pinta o acolchoado ou faz nada e fica feliz por ter uma cama novamente, né não?

Segundo probleminha - facílimo de resolver: o povo colocou o criado-mudo muito perto do armário. Facílimo de resolver porque tem um bom espaço do outro lado ainda e aí é só esperar Schatz chegar cansado do trabalho e pedir para ele colocar no lugar certinho.

Olha a fofa sem roupa de cama ainda! ♥ (foto tirada pelo celular, na emoção do momento):

Queridos, no próximo post eu conto como foi dormir bem de novo! Só não pode babar, né não?

Beiijo!

, , ,

10 comentários até agora

  1. Parabéns Lê! A saga da cama chega ao fim! rsrs Ela parece ser uma delícia de dormir! Qual será a próxima saga que vamos acompanhar por aqui?!
    sugestão: na parede atrás da cama, você poderia colocar um quadro grande ou vários menores, numa cor que contrastasse com o branco. Acho que ficaria legal!
    beijos

    Responder comentário

  2. Nada melhor que dormir numa cama confortável!!
    Conheço essa do colchão inflável, e confesso que odeio :(
    Muito ruim de dormir!!

    Aproveitem a cama nova, ela é linda!!

    Responder comentário

  3. Oba!!! Parabéns pela cama!! Espero que vocês durmam muito bem nela!!!
    E olha, eu tenho cama assim também, de dois colchoes, marido nao queria a principio, mas agora já acostumou! A gente nao cai no meio nao e se te incomodar muito tem no IKEA uma espuma que dá pra colocar entre os dois colchoes que ajuda ela a ficar mais "reta" na parte em que os colchoes se encostam!!

    beijao

    Responder comentário

  4. Fiquei TÃO feliz quando você disse que a sua cama tinha chegado! Aposto que a sua noite hoje vai ser linda! E também sempre tenho a impressão que vou cair no meio quando são duas camas juntas. haha Mas lá em piri tem um quarto que são duas camas de solteiro e quando o pessoal vai a gente junta e nunca ninguém caiu, então acho que é tranks!

    A cama é linda! E gostei da ideia da Ana de colocar um quadro. :)

    Beijos, "my love". haha :***********

    Responder comentário

  5. Lê! a cama é lindona!!!
    pinta sua parede de camurça... ficaria show!!! como a cor camurça é meio pra marron, da pra colocar dois quadros com moldura branca... achp que ficaria bem legal!!!
    beijaooo

    Responder comentário

  6. hauhauhau Nem eu sei a próxima saga, Ana! Vamos aguardar os acontecimentos. hauhauhua
    ADOREI a ideia dos quadros!! Obrigada! :D
    Beijao!

  7. Oi, Daniela!! Eu dormia até tranquilo no colchao e no chao, mas eu sou dessas que dorme até em pé se duvidar. Schatz diz que durmo em 5 minutos ou menos e eu acredito! Meu esquema é deitar-dormir. Tá certo que "dormir tranquilo" em colchao/chao nao tem como comparar com uma cama, entao estou dando pulos de alegria! haha
    Beijao!

  8. :D:D
    Acho que é só noia minha mesmo, Bárbara (dormi no chao, se lembra? huahua). Eu durmo muito fácil, mas mesmo assim muito obrigada pela dica da espuma do Ikea! Vai que a gente precisa! :D

    Beijao!!

  9. hauhauhaua
    Também acho que é tranks! Até porque Schatz e eu somos o oposto do romantismo. Aqui é assim: "boa noite!" "Boa noite!" e depois disso cada um vira pro seu lado e dorme. huahauhaua Veremos como vai ser daqui a 10 anos. huahauhau
    Beijos, my love!!

  10. É uma ideia muito boa, Anoca!!
    Obrigada!

    Ai, adorei minhas decoradoras particulares nos comentários! :D

    Beiiiiiiijo!

Comente!